Oficinas Design Thinking para Educadores de novembro

Atividades do mês foram diversificadas e envolveram desde instituições até o público em geral para conhecer as etapas do DT no processo educativo e prototipar melhorias para problemas cotidianos 


As formações de DT para Educadores em novembro encerraram as atividades de 2017 da iniciativa. Para 2018, estão previstas algumas novidades, como curso on-line para estudantes de pedagogia e licenciaturas, além de novas edições do #cursolabDT para pessoas interessadas em se tornar facilitadores da abordagem do DT e do curso que associa a Jornada do Herói. Saiba mais como foram as atividades de DT do último mês:


Design Thinking e a Jornada do Herói na Educação
Curso especial desenvolvido em 2017, que teve 3 edições, sendo duas em São Paulo e uma no Rio de Janeiro. A última foi nos dias 10 e 11 de novembro, em parceria com a Universidade Metodista de São Paulo, no campus Vergueiro, em São Bernardo do Campo. O mote das atividades foi a célebre frase de Paulo Freire: “a educação não muda o mundo, a educação muda pessoas, pessoas mudam o mundo”. Por meio de uma mandala baseada na Jornada do Herói, os participantes interpretaram as informações sobre as pessoas envolvidas em seu desafio, com muita ênfase nas atitudes empáticas e colaboração para gerar ideias que pudessem de fato fazer sentido para a vida daquelas pessoas.


Perspectivas para o jovem do campo
A diretora-executiva do Educadigital, Priscila Gonsales, que também é fellow Ashoka, foi convidada para facilitar um encontro de cocriação de ideias para um futuro projeto que pretende contribuir no fortalecimento do jovem do campo, meninos e meninas que moram na zona rural e estão envolvidos na agricultura familiar do café. O projeto terá apoio institucional da Nescafé. O evento ocorreu dia 14 de novembro na cidade de Araras-SP e contou com a participação de cerca de 25 pessoas envolvidas com a temática, dentre elas, produtores, especialistas baristas, fellows Ashoka que atuam em empreendedorismo rural, funcionários da Nescafé. Houve registro gráfico do processo pela Camila Vieira


Trabalho com significado
Dia 21 de novembro foi a vez dos consultores de Design Educacional do Senac São Paulo conhecerem melhor o potencial da abordagem do DT para refletir sobre possibilidades de uso em seu cotidiano de atividades, como também apoiar um processo de busca de melhorias para situações de convivência, empatia e colaboração no ambiente de trabalho. Para favorecer a concentração na atividade, a oficina foi realizada fora da unidade sede, no Senac Lapa, na rua Tito.


Design Thinking e a Inovação Aberta na Educação 
A última oficina do ano, no dia 24 de novembro, foi realizada em parceria com o Colégio Presbiteriano Mackenzie e contou com a presença de vários educadores, muitos deles do próprio Mackenzie, além de 4 estudantes do Ensino Médio, que tornaram o encontro ainda mais especial. O mote foi a educação aberta, de que forma as atitudes de colaborar e compartilhar podem favorecer a construção de um processo de ensino e aprendizagem ainda mais inovador. Dentre os protótipos, o “colaboragenda”, um projeto de compartilhamento de problemas que acontecem na escola e que podem ser resolvidos pelo grupo a partir da organização de  prioridades.

Veja também