Declaração REA de Paris 2012

Aconteceu em Paris entre 20 e 22/06, o Congresso Mundial de Recursos Educacionais Abertos. O evento teve como objetivo incentivar os governos a adotar políticas que incluam REA .


A delegação brasileira contou com o representante do governo Angelo Vanhoni, com o deputado Simão Pedro (autor do PL REA do Estado de São Paulo), Priscila Gonsales (Diretora-Executiva do Instituto Educadigital, representando o REA Brasil), Tel Amiel (UNICAMP), Nelson Pretto (UFBA), Andreia Inamorato (UFF) e Rafael Parente (Secretaria Municipal de Educação do Rio de Janeiro).

Leia a Declaração REA de Paris 2012 aqui. A versão em francês também já está disponível e em breve traduções para outros idiomas estarão online.

Acesse as apresentações dos representantes brasileiros que discursaram no evento no dia 21/06/2012.

Angelo Vanhoni – Deputado Federal (arquivo)

Simão Pedro –  Deputado Estadual (arquivo)

Priscila Gonsales – Instituto Educadigital/REA Brasil (arquivo)

Tel Amiel – Universidade Estadual de Campinas (arquivo)

Nelson Pretto – Universidade Federal da Bahia (arquivo)

Andreia Inamorato – Universidade Federal Fluminense (arquivo)

Rafael Parente – Subsecretário de Novas Tecnologias Educacionais da Secretaria Municipal de Educação do Rio de Janeiro  (arquivo)

Você encontra fotos do congresso no nosso canal do Flickr.

Congresso Mundial de Recursos Educacionais Abertos

Acontece em Paris entre 20 e 22/06, o Congresso Mundial de Recursos Educacionais Abertos. O Congresso visa incentivar os governos a adotar políticas que incluam REA e reunirá Ministros da Educação, políticos, profissionais especializados, pesquisadores, estudantes e outras partes interessadas no tema.

Os objetivos do evento são:

  • Apresentar a declaração REA de Paris, resultado do conjunto de contribuições dos eventos regionais organizados pela UNESCO e a Commonwealth of Learning (COL),
  • Apresentar as melhores práticas mundiais em políticas de Recursos Educacionais Abertos,
  • Celebrar o 10 º aniversário do Fórum UNESCO de 2002, que cunhou o termo Recursos Educacionais Abertos (REA).

O evento terá dois focos, o primeiro com discussões com representantes dos governos e por todos os interessados ​​sobre a Declaração REA de Paris voltada para ações governamentais em REA, o segundo com um seminário aberto e exposição de melhores práticas REA no mundo envolvendo a sociedade civil. Abel Caine anuncia o Congresso e cita o Projeto de Lei Federal brasileiro,  veja aqui.

Priscila Gonsales do IED junto com o Prof. Nelson Pretto, Tel Amiel, Andreia Inamorato, Rafael Parente, Dep. Simão Pedro e Angelo Vanhoni representam o Brasil no Congresso Mundial de Recursos Educacionais Abertos, a programação completa do evento você encontra aqui.

Haverá transmissão online, os links para acompanhar o congresso direto de Paris você encontra na página da UNESCO. A transmissão será em inglês e francês.

Acompanhe também pelo twitter usando a tag #oercongress ou acompanhando o perfil @unescoNOW.